• Upendi

10 benefícios do quebra-cabeça

Você sabia que o quebra cabeça auxilia desde desenvolvimento dos pequeno até a prevenção de doenças em idosos?

Muito mais que uma atividade para passar o tempo, se divertir e relaxar, ele traz inúmeros benefícios à saúde.


Quer saber quais são seus principais benefícios? Neste post contaremos 10 deles:


1. Exercício mental completo


Ao montar um quebra cabeça exercitamos os dois lados do cérebro. Sendo que:

o lado direito é responsável pela criatividade, emoções e pensamento intuitivo;

e o lado esquerdo é o lado lógico, objetivo e metódico.


Quando montamos um quebra-cabeça, ambos os lados devem se comunicar e trabalhar juntos, aumentando a função cognitiva.


2. Melhor raciocínio visual-espacial


O exercício de ver diferentes peças pequenas e colocá-las numa imagem maior ajuda a melhorar nosso raciocínio espacial.


3. Maior atenção aos detalhes


Ao montar um quebra cabeça treinamos n ossos olhos para encontrar as pequenas diferenças de cores ou formas entre cada peça.

A capacidade de capturar pequenos detalhes pode nos ajudar em todos os aspectos de nossas vidas, quando somos mais detalhados e precisos, a qualidade do nosso trabalho melhora.


4. Melhora a memória


Quando pegamos uma peça, buscamos entre as outras uma cor ou forma que temos em mente e visualizamos a imagem em grande escala para ver quais peças se encaixam, isso fortalece as conexões do cérebro aumentando a velocidade mental e os processos de pensamento.

Quando exercitamos a parte do cérebro responsável por armazenar essas informações, o ajudamos a manter e melhorar a memória de curto prazo.


5. Aumenta o seu QI


Segundo pesquisadores da Universidade de Michigan quando gastamos cerca de 25 minutos num dia resolvendo quebra-cabeças e charadas podemos aumentar nosso QI em até 4 pontos.


6. Melhorar a capacidade de resolução de problemas


Para resolver os quebra-cabeças, usamos diferentes abordagens para tentar resolver um problema, pois é um teste de tentativa e erro.

Aprendemos também o valor de formular teorias, testar hipóteses e mudar perspectivas quando algo não sai como planejado.

Essas habilidades podem proporcionar ser mais inovadores na solução de problemas, termos pensamento mais crítico e melhores habilidades adaptativas.